Página Principal   Livros 
=

Livros

 

Esta é a página de apoio aos três livros de Cálculo Financeiro (e as várias edições) de autoria ou coautoria de Rogério Matias publicados em língua portuguesa, ou seja:

 

- Cálculo Financeiro. Teoria e Prática (5 edições entre 2004 e 2015)

- Cálculo Financeiro. Exercícios Resolvidos e Explicados

- Cálculo Financeiro. Casos Reais Resolvidos e Explicados

 

Pode obter detalhes e material de apoio relativamente a cada um deles selecionando-o no menu à esquerda.

 

Estes livros destinam-se prioritariamente a alunos de cursos superiores nas áreas da Gestão, Contabilidade e Economia, mas também podem interessar a todos aqueles que, por razões profissionais ou pessoais, pretendam conhecer ou aprofundar os conceitos subjacentes ao valor temporal do dinheiro.

 

O livro Matemática Financiera. Manual Básico (tradução e adaptação da 2ª edição de Cálculo Financeiro. Teoria e Prática ao mercado espanhol) dispõe de uma página específica (www.financierabasica.com).

 

 

parajumper norge moncler jakke parajumper salg uggs salg parajumper jakke barbour jakke canada goose norge canada goose jas parajumpers jassen moncler muts belstaff jas moncler jas duvetica jas peuterey jas
 
Testemunhos Enviar
Fernando Marques 2005-07-30 Universidade do Algarve - ESGHT Equiparado Assistente 2º Triénio Considerando os conteúdos inseridos na obra do prof. Rogério Matias, este livro constitui uma leitura obrigatória para os académicos, estudantes e todos os profissionais do sector financeiro.
Ver todos
 
Termo do dia Ver Glossário
Renda perpétua
Diz-se habitualmente que uma renda é perpétua se o seu número de termos é ilimitado. É uma má definição. É preferível dizer que uma renda é perpétua se o seu último termo já não acrescentar valor significativo ao valor actual (global) da renda (numa renda perpétua só faz sentido calcular o respectivo valor actual, não o valor acumulado). É perfeitamente possível que uma renda com 100 termos, por exemplo (número limitado e baixo, portanto) possa ser considerada como "perpétua" (basta que a taxa seja suficientemente elevada para que o valor actual do 100º termo se aproxime de 0). No fundo, o que determina se uma renda é perpétua ou temporária não é (apenas) o número dos seus termos, mas sim o número de termos e (também) a taxa considerada.
(c) 2014 Rogério Matias. Todos os direitos reservados.