Página Principal   Livros   Exercícios Resolvidos e Explicados   Volume I   Descrição 
=

Descrição

 

Este volume, de cariz marcadamente prático, visa sobretudo complementar o manual “Cálculo Financeiro. Teoria e Prática”. É exclusivamente composto por exercícios resolvidos e explicados, de diversos tipos, sendo constituído por duas Partes:
 
A Parte I – Exercícos de Aplicação, é constituída por exercícios de reolução breve e relativamente simples, agrupados de acordo com os capítulos do manual “Cálculo Financeiro. Teoria e Prática”.
 
Existem, assim, sete conjuntos de exercícios sobre os seguintes temas:
  • Conceitos Introdutórios Sobre o Cálculo Financeiro
  • Regimes de Equivalência
  • Equivalência de Capitais
  • Rendas em Regime de Juro Composto
  • Amortização de Empréstimos Clássicos
  • Empréstimos Obrigacionistas
  • Noções Básicas de Avaliação de Investimentos
Cada um destes conjuntos de exercícios é constituído por diferentes tipos de questões, organizados da seguinte forma:
  • Questões de Escolha Múltipla;
  • Questões de Correspondência;
  • Questões de Verdadeiro/Falso;
  • Questões de Resposta Curta;
  • Exercícios Práticos.
Nas questões teóricas, esta obra não se limita a apresentar as respostas corretas. É feito todo o enquadramento de cada questão colocada. Por exemplo, nas questões do tipo A. Questões de Escolha Múltipla, além de se fornecer a resposta correta, explica-se por que razão as restantes respostas são falsas. Também nas questões do tipo C. Questões de Verdadeiro/Falso, além de ser fornecida a resposta correta, explicam-se as razões da veracidade ou não de cada afirmação. Finalmente, nas questões do tipo D. Questões de Resposta Curta, também são fornecidas respostas modelo.
 
Relativamente às questões do tipo E. Exercícios Práticos, são questões práticas, agrupadas de acordo com cada um dos capítulos do manual “Cálculo Financeiro. Teoria e Prática”, onde se explica, passo-a-passo, a resolução dos problemas enunciados.
 
A Parte II – Exercícios Práticos de Consolidação de Conhecimentos é constituída por exercícios práticos mais extensos e complexos (grau de dificuldade mais elevado) englobando, no mesmo exercício, diversas matérias, por vezes provenientes de diferentes capítulos. A resolução e a explicação destes exercícios são mais exaustivas. Em muitos casos sugerem-se diversas formas de abordagem e apresenta-se a sua resolução, total ou parcial, através de calculadoras financeiras.
  

 

 

          ANO 2008
  ISBN 978-972-592-233-3
  PÁGS 526
  NOTA Edição mais recente

 

 

parajumper norge moncler jakke parajumper salg uggs salg parajumper jakke barbour jakke canada goose norge canada goose jas parajumpers jassen moncler muts belstaff jas moncler jas duvetica jas peuterey jas
 
Testemunhos Enviar
Rosa Aranha 2010-11-23 Escola SEC. Entroncamento Docente Pesquiso sempre sobre temas para melhorar as metodologias do processo de ensino-aprendizagem, reconheço neste grupo de materiais uma excelente ajuda. Obrigada pela disponibilidade.
Ver todos
 
Termo do dia Ver Glossário
Renda perpétua
Diz-se habitualmente que uma renda é perpétua se o seu número de termos é ilimitado. É uma má definição. É preferível dizer que uma renda é perpétua se o seu último termo já não acrescentar valor significativo ao valor actual (global) da renda (numa renda perpétua só faz sentido calcular o respectivo valor actual, não o valor acumulado). É perfeitamente possível que uma renda com 100 termos, por exemplo (número limitado e baixo, portanto) possa ser considerada como "perpétua" (basta que a taxa seja suficientemente elevada para que o valor actual do 100º termo se aproxime de 0). No fundo, o que determina se uma renda é perpétua ou temporária não é (apenas) o número dos seus termos, mas sim o número de termos e (também) a taxa considerada.
(c) 2014 Rogério Matias. Todos os direitos reservados.